Insuficiência Renal em Cães

insuficiência renal em cães

O que é insuficiência renal em cães?

A doença ou insuficiência renal em cães aguda ou crônica é comum. A forma aguda é causada por alguma toxina, lesão ou agressão aos rins, como a ingestão de anticongelante, uvas ou passas; veneno para ratos; anti-inflamatórios não esteroides; ou leptospirose.

Muitas pessoas pensam que ‘insuficiência renal crônica’ ou ‘doença renal crônica’ significa que os rins pararam de funcionar e não estão produzindo urina. Este não é o caso. Por definição, a insuficiência renal crônica (IRC) ou doença renal crônica (DRC) é a incapacidade dos rins de filtrar com eficiência o sangue e retirar os produtos residuais, não é a incapacidade de produzir urina. Ironicamente, a maioria dos cães com insuficiência renal produz grandes quantidades de urina, mas os resíduos tóxicos do corpo não estão sendo eliminados do sangue.

O que é insuficiência renal em cães?

Insuficiência renal em cães crônica e aguda

Os rins dos cães realizam muitas funções para filtrar o sangue. Os rins filtram e eliminam as toxinas e resíduos do sangue, e esses resíduos são excretados na urina. Além disso regulam os níveis de fósforo e cálcio.

A doença renal crônica é um processo progressivo e destrutivo que ocorre por um longo período (geralmente três meses ou mais). Enquanto a doença renal aguda pode ser reversível, geralmente a doença renal crônica é irreversível e progressiva.

Diagnóstico

O tempo de duração da forma crônica da doença pode ser estimado por meio do histórico médico, exame físico, exames de sangue, estudos de imagem dos rins e patologia renal. Uma vez diagnosticada, a forma crônica geralmente é encenada. O sistema de estadiamento é baseado na função renal, na quantidade de proteína na urina, na pressão sanguínea e na patologia renal com base em biópsia e exames de imagem.

Insuficiência renal em cães sintomas

Insuficiência renal em cães sintomas
Aumento do consumo de água

Os sintomas de insuficiência renal em cães são: letargia, consumo excessivo de água, micção frequente e diminuição da fome ou apetite. Os sintomas clínicos da insuficiência renal mais avançada incluem: perda de apetite, depressão, vômitos, diarreia e muito mau hálito. Ocasionalmente, úlceras podem ser encontradas na boca.

Mas, infecções do trato urinário, doenças transmitidas por carrapatos, pancreatite, doença hepática e muitas outras doenças podem causar os mesmos sintomas. Por esse motivo a consulta ao veterinário é fundamental para confirmar se o cão está realmente sofrendo de insuficiência renal.

Insuficiência renal em cães tratamento

Insuficiência renal em cães tratamento

Os tratamentos da doença renal tentam tratar e prevenir as complicações da redução da função renal, controlar os problemas associados à doença renal e retardar a perda da função renal.

Na primeira fase do tratamento, altas doses de soro intravenoso é administrado para “limpar” os rins e a corrente sanguínea. Esse processo é chamado de diurese e ajuda as células renais que forma pouco danificadas a funcionar novamente, removendo os metabólitos tóxicos e criando um ambiente mais saudável para a cura.

Se houver células renais funcionando, elas podem atender perfeitamente às necessidades do corpo de filtrar e remover os dejetos. A aplicação de fluidos inclui a reposição de vários eletrólitos, especialmente o potássio. Outros aspectos importantes do tratamento inicial incluem nutrição especial e medicação para controlar vômitos e a diarreia, se presentes. Seu cão freqüentemente começará a se sentir melhor logo após o início desta fase do tratamento.

insuficiência renal em cães alimentação

Nenhum outro tratamento tem maior probabilidade de melhorar o resultado a longo prazo e a qualidade de vida do animal do que uma dieta.

As dietas para cães com doenças renais são eficazes e balanceadas. Além disso diferem da alimentação normal do cão de várias maneiras. A proteína, fósforo e sódio são reduzidos; há um aumento de vitaminas B e fibra solúvel; as calorias na ração também são aumentadas; há um efeito neutro no equilíbrio ácido-base; suplementação de ácidos graxos poli-insaturados ômega-3 ; e outros antioxidantes.

Mas o tratamento não é  simplesmente colocar os cães com doenças renais em dietas para cães idosos com restrição de proteína. Seu veterinário pode prescrever vários produtos especialmente formulados para seu cão.

Nota: Normalmente as dietas renais não são tão saborosas ​​quanto a ração normal, e a nova alimentação deve ser introduzida gradualmente para que o cão não pare de comer. Aumente a quantidade da ração especial progressivamente por 10 a 14 dias.

O cão deve continuar comendo e ser monitorado de perto quanto à ingestão de alimentos, peso corporal e conforme a nova alimentação é inserida. Cães com problemas renais que não comem, ficam desidratados , anêmicos e muito mais vulneráveis ​​aos problemas causados pela insuficiência renal. Embora não seja curável, com tratamento e dieta, seu veterinário pode melhorar a qualidade de vida de seu cão com doença renal.

 

LEIA TAMBÉM:

Aprenda a adestrar o seu cão Passo a Passo
O seu cachorro está impossível e você não sabe mais o que fazer? Neste guia você irá aprender como adestrá-lo resolvendo os seus principais problemas de comportamento.

Fontes:

https://www.akc.org/expert-advice/health/kidney-disease-in-dogs/

https://vcahospitals.com/know-your-pet/kidney-failure-chronic-in-dogs

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

shares