Alergia a Cachorro: Causas, Sintomas e Tratamentos

Nosso site não tem apoio financeiro e dependemos de você para poder continuar. Ajude compartilhando esse artigo em suas redes sociais.

Alergia a cachorro

Um cão é o melhor amigo do homem – ou seja, a menos que você não tenha alergia a cachorro.

Alergias a animais de estimação são comuns . De acordo com estudos , 15 a 30% das pessoas são afetadas. Embora a alergia a gatos sejam duas vezes mais comuns, a alergia a cachorro tendem a ser mais graves. Principalmente para as pessoas que sofrem de asma.

Leia mais para saber quais os sintomas de alergia a cachorro, bem como as causas e tratamentos…

O que causa alergias a cachorro?

Os cães secretam proteínas que saem na pele morta, saliva e urina. Uma reação alérgica ocorre quando o sistema imunológico de uma pessoa sensível reage de maneira anormal às proteínas, que geralmente são inofensivas. Raças diferentes tem pelos diferentes, por isso é possível ser mais alérgico a algumas raças de cachorro do que a outras.

O alérgeno cai junto com o pelo do animal. A partir daí, ele se acumula em tapetes, roupas, paredes e entre as almofadas do sofá. O pelo do cachorro em si não é um alérgeno, mas pode reter poeira.

Pelos de animais também podem permanecer no ar por muito tempo. Eventualmente, pode cair nos seus olhos ou entrar nos pulmões.

Quais os sintomas de alergia a cachorro?

sintomas de alergia a cachorro
sintomas de alergia a cachorro

Os sintomas de alergia a cachorro podem variar de leve a grave. Os sintomas podem não aparecer por vários dias após o contato do animal com as pessoas sensíveis.

Algumas da alergia a cachorro são:

  • Inchaço e coceira nas membranas do nariz ou ao redor dos olhos
  • Vermelhidão na pele depois de ser lambido por um cão
  • Tosse, falta de ar ou chiado no peito depois de 15 a 30 minutos após o contato com o animal ou local onde cão está
  • Erupção cutânea no rosto, pescoço ou peito
  • Ataque grave de asma (em alguém que sofre de asma )

Crianças com alergias a cães geralmente desenvolvem eczema , além dos sintomas acima. Eczema é uma inflamação dolorosa na pele.

Antigamente as pessoas acreditavam que expor um recém-nascido ao cão da família poderia desenvolver alergia ao animal de estimação.

Felizmente, o oposto parece ser verdade. Vários estudos feitos nos últimos anos – incluindo um publicado no Jornal da Sociedade Britânica para Alergia e Imunologia Clínica – descobriram que expor o bebê a um animal de estimação não aumenta o risco de desenvolver alergias ou asma. Na verdade, pode proteger a criança de desenvolvê-la no futuro.

Como tratar alergia a cachorro?

A única maneira infalível de você se livrar de uma alergia a animais é tirar o cão da sua casa. No entanto, existem maneiras de minimizar sua exposição aos alérgenos e diminuir os sintomas se você não quiser se separar do seu cão.

Medicamentos

Abaixo estão alguns medicamentos e tratamentos que podem ajudá-lo tratar a alergia a cachorro e asma:

  • Anti – alérgicos, ou anti histamínicos são medicamentos vendidos sem receita , como Benadryl, Claritin, Allegra e Clarinex , que podem ajudar a aliviar a coceira, espirros e coriza.
  • Corticosteroides nasais, também vendidos sem receita como Plurair ou Nasonex podem reduzir a inflamação e controlar os sintomas.
  • Cromolyn sódico é um spray nasal que da mesma forma é vendido sem receita, e que pode ajudar a reduzir os sintomas, principalmente se usado preventivamente.
  • Descongestionantes nasais melhoram a respiração.
  • Imunoterapia onde você é exposto ao alérgeno que está causando a alergia e assim ajuda seu corpo a se tornar imune, reduzindo os sintomas. O tratamento é feito por um médico alergista e são mais usados ​​em casos mais graves e no tratamento a longo prazo.
  • Anti leucotrienos: são medicamentos prescritos que podem ser recomendados por um médico se você não tolerar anti-histamínicos nasais ou corticosteroides. Mas só deverá ser usado se não houver outras alternativas.

Remédios caseiros

Lavar os seios nasais com soro fisiológico pode reduzir os sintomas como congestão e gotejamento pós-nasal.

Sprays salinos para lavagem nasal também são vendidos sem receita nas farmácias.

Mudanças de vida

Existem várias coisas que os donos de cães podem fazer em casa para reduzir a alergia e os alérgenos. Como por exemplo:

  • Criação de zonas livres de cães (determinados quartos, ou áreas, onde a entrada do cachorro não é permitida)
  • Dar banho no cão semanalmente usando um shampoo anti alérgico ou neutro
  • Retirar os carpetes, móveis e estofados, persianas horizontais, cortinas e outros que possam atrair e prender os pelos do animal
  • Usar purificadores de ar particulado de alta potência para reduzir os alérgenos no ar da casa
  • Manter o cão fora de casa
  • Escolher raças de cães hipoalergênicos ou que não causem alergia
  • Fazer um período de teste antes de introduzir um novo animal de estimação na família para avaliar as reações dos membros da família ao novo cão.

LEIA TAMBÉM:

Aprenda a adestrar o seu cão Passo a Passo
O seu cachorro está impossível e você não sabe mais o que fazer? Neste guia você irá aprender como adestrá-lo resolvendo os seus principais problemas de comportamento.

ASSINE NOSSO SITE E RECEBA EM SEU E-MAIL OS NOVOS ARTIGOS

Conclusão:

A alergia a cachorro atinge uma grande parte da população. Os principais sintomas são, coceira no nariz, congestão nasal, espirros e em casos graves, ataque de asma. Mas há como controlar a a alergia tomando remédios vendidos sem receita e seguindo algumas mudanças no seu dia a dia. O importante é você nunca abandonar seu melhor amigo por motivo algum. Se a alergia for realmente um problema sério para você e sua família, então procure uma pessoa próxima que queira adotar seu cão.

Nosso site não tem apoio financeiro e dependemos de você para poder continuar. Ajude compartilhando esse artigo em suas redes sociais.

Gostou desse artigo? Deixe um comentário

Rolar para o topo
%d blogueiros gostam disto: