Akita Inu – Tudo sobre a Raça

Tudo sobre a raça Akita Inu – Comportamento, alimentação, história da raça, temperamento, medidas e expectativa de vida

akita inu - tudo sobre a raça

Nosso site não tem apoio financeiro e dependemos de você para poder continuar. Ajude compartilhando esse artigo em suas redes sociais.

História da raça Akita Inu

O Akita Inu é uma das sete raças de cães consideradas como Monumento Nacional do Japão. Criada para ser um cão de caça nas montanhas escarpadas do norte do Japão, a raça é uma maravilhosa combinação de dignidade com boa natureza, alerta, coragem e docilidade. Inu é a vezes adicionado ao nome, que significa apenas ” cachorro”.

Há um significado espiritual associado ao Akita. No Japão, eles são não apenas considerados companheiros leais e animais de estimação, mas também protetores da casa e um símbolo de boa saúde. ( 1 )

Quando uma criança nasce, a família geralmente recebe uma pequena estátua de um Akita, significando saúde, felicidade e uma longa vida. Se uma pessoa estiver doente, os amigos enviarão uma pequena estátua de um Akita para expressar seu desejo de uma rápida recuperação.

A raça ficou famosa após a Segunda Guerra Mundial, isso pode ser atribuído aos militares americanos das forças ocupacionais, que admiravam a beleza dos nobres Akitas . A inteligencia e adaptabilidade da raça a diferentes situações, encantou os militares americanos.

A raça como a conhecemos atualmente foi desenvolvida no início do século XVII na prefeitura de Akita, no norte do Japão. Dizem que o imperador baniu um nobre rebelde para a prefeitura de Akita, a província mais ao norte da ilha de Honshu, onde o nobre recebeu ordens de viver seus dias como governante da província. Por acaso, esse aristocrata exilado era um homem ardente e encorajava os barões sob seu domínio a competir na criação de um cão de caça grande e versátil.

Gerações de criação seletiva produziram o Akita, um caçador poderoso, e coração robusto, que ajudava na caça de animais muito grandes como os javalis, veados e o temível urso Yezo.

Ter um cão Akita já foi restrito à família imperial e sua corte. Mas atualmente as pessoas comuns de todo o mundo criam seus Akitas como animais de estimação.

Várias vezes o Akita esteve a beira da extinção. Assim para garantir a sobrevivência da raça, o primeiro clube de criadores foi fundado em 1927 no Japão.

O cão Akita mais famoso de todos os tempos, chamado Hachiko, e foi tema do filme Sempre ao seu lado. Um cachorro que esperou por 9 anos, em uma estação de trem, pela volta de seu dono, que morreu repentinamente. 

Hachiko
Hachiko o Akita mais famoso do mundo e seu dono.

Temperamento 

O Akita é uma raça de cão calmo mas exigente. Desconfiam de estranhos e muitas vezes são intolerantes com outros animais. Mas um Akita terá o prazer de compartilhar seu lado bobo e afetuoso com a família e os amigos.

Eles prosperam bem na companhia humana. Muito independente, o Akita está sempre empenhado em proteger aqueles que ama. Eles devem ser bem socializados e treinados desde o nascimento, com as pessoas da família e também com outros cães.

O Akita é um cão naturalmente protetor, e se não adestrado desde filhote, pode se tornar agressivo, incluindo com crianças. Manter os olhos fixos em Akita, é interpretado como um desafio para o cão, que pode se tornar agressivo.

Medidas

Grande, poderoso, e alerta, com muita substância e ossos pesados. A cabeça larga, forma um triângulo rombudo, com focinho profundo, olhos pequenos e orelhas eretas levadas adiante na nuca, essas são as características da raça. A cauda grande e ondulada, equilibrando a cabeça larga, também é característica padrão do Akita, que é considerada uma raça de grande porte.

Altura: 71 Cm (macho), 66 Cm (fêmea)
Peso: 59 Kg (macho), 45 Kg (fêmea)
Expectativa de vida: 10-13 anos

Alimentação

O Akita se da bem com ração de alta qualidade , fabricados comercialmente ou preparados em casa com a supervisão e aprovação do seu veterinário. Qualquer ração deve ser apropriada à idade do cão (filhote, adulto ou sênior) . Alguns especialistas na raça recomendam que os Akitas com 7 anos ou mais sejam alimentados com uma dieta “leve” ou com menos calorias, para evitar o possível aparecimento de doença renal. .

Alguns cães tendem a ficar acima do peso , então observe o consumo de calorias e o peso do seu cão. Água limpa e fresca deve estar disponível o tempo todo. É importante lembrar que alguns Akitas podem ser possessivos com os alimentos e devem ter sua tigela de comida ou de petiscos bem longe da de outros animais da casa e de crianças.

Cuidados

Os Akitas são cães limpos e têm pouco “cheiro de cachorro”. Eles não precisam de muitos cuidados, mas seu pelo espesso e duplo deve ser escovado pelo menos uma vez por semana para ter a melhor aparência.

Embora a Akitas, na maioria das vezes percam pouco pelo, o sub pelo denso cai duas vezes por ano. Por isso não se assuste se encontrar pedaços de pelos por toda a sua casa. Durante esse período, escove o cão com mais freqüência para se livrar dos pelos mortos.

As unhas também devem ser aparadas regularmente, pois unhas muito longas podem causar dor e problemas para o cão. Você também de escovar os dentes do cão com frequência para garantir que ele tenha uma boa saúde dental.

Atividade física

O Akita geralmente não é uma raça muito ativa, mas precisa de exercício moderado. Uma corrida ou caminhada rápida pelo quarteirão pelo menos uma vez por dia pode atender às necessidades da maioria dos cães da raça.

Embora sejam cães grandes, os machos podem pesar mais de 45 Kg, com exercícios físicos diários, o Akita pode viver bem em uma casa relativamente pequena. Eles são cães resistentes e criados para suportar as duras condições climáticas do norte do Japão, mas foram criados animais domésticos e guardiões da casa, além de caçadores, e se adaptam muito bem à vida em casa.

Treinamento

Os Akitas são muito inteligentes e leais, mas também têm uma natureza independente e obstinada. Como cães grandes e muito poderosos, é vital que eles sejam treinados de forma consistente, começando na infância .

Eles são guardiões instintivos, por isso é muito importante que os Akitas tenham uma socialização precoce e extensa quando jovens. Eles devem aprender a aceitar uma os estranhos na casa e não recebe-los como uma ameaça.

Por causa de sua independência e forte impulso de pegar presas, eles nunca devem ficar fora de controle em uma área não segura. Os Akitas tendem a ser agressivos com outros cães, principalmente com cães mesmo sexo, assim extrema cautela deve ser usada nas interações com outros cães.

O Akita é agressivo com outros cães, principalmente do mesmo sexo. 

Cuidados com a saúde

Como muitos cães, o Akitas podem sofrer de dilatação-vólvulo gástrico , também conhecida como torção gástrica, uma doença repentina e com risco de vida, na qual o estômago pode torcer . Isso é um caso de emergência, e os proprietários de Akita devem aprender a reconhecer os sintomas.

Os possíveis proprietários devem adquirir um Akita de um criador responsável que avalia seus cães periodicamente. Para evitar que as crias tenham distúrbios oculares e da tireoide, bem como displasia do quadril, que é uma má formação das articulações do quadril que pode causar dor e artrite.

Galeria de fotos

Clique ou toque na imagem par ampliar

Nosso site não tem apoio financeiro e dependemos de você para poder continuar. Ajude compartilhando esse artigo em suas redes sociais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *